quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Tríceps sofre com a flacidez


Segundo o personal trainer Xande Negão, da academia ViktorGym, um dos músculos que mais incomodam por causa da flacidez é o tríceps, mais conhecido como músculo do “tchauzinho” e responsável pelo movimento de extensão do cotovelo. O tríceps fica entre a axila e o cotovelo, na parte posterior do braço. “Para que ele não fique mole é preciso que o músculo seja fortalecido e delineado. A gordura acumulada nesta região e a ação da gravidade aumentam as dificuldades de mantê-lo em forma”, explica.

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Musculação combate flacidez


A idade, fatores genéticos, sedentarismo, alimentação inadequada, gravidez, excesso de peso e hábitos nocivos como fumo são alguns dos fatores que enfraquecem as fibras colágenas e elásticas que sustentam os tecidos do organismo. É a temida flacidez que atinge principalmente os braços, pernas, barriga, glúteos e rosto. A flacidez dérmica é provocada pelo excesso de sol e dietas limitadas e a muscular é gerada em especial pelo sedentarismo. “A melhor maneira de combater a flacidez é fazendo musculação, exercícios aeróbios e alimentação balanceada”, aponta o personal trainer Xande Negão, da academia ViktorGym.

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Evite lesões ao fazer exercícios abdominais


O personal trainer Xande Negão, da academia ViktorGym, dá algumas dicas para que os abdominais tenham bons resultados e você não se machuque.

- Fixe os pés no chão. Alguém pode segurá-los ou você pode usar caneleiras pesadas.
- As costas devem permanecer arredondas durante a elevação. Manter as costas retas aumenta o risco de lesões.
- Ao subir, não forme um ângulo de 90 graus, como se estivesse sentado. O ideal é que a elevação atinja 40 graus.
- Ao subir, expire pela boca. Ao descer, inspire pelo nariz.

domingo, 26 de setembro de 2010

Abdominais: acompanhamento é fundamental para evitar lesões


Os exercícios abdominais podem ser feitos por quase todo mundo. As exceções são para as grávidas - até o terceiro mês e após o sétimo mês de gestação -, pessoas que tem e estão tratando as hérnias de disco e quem passou recentemente por cirurgias abdominais e lipoaspiração. “Em geral qualquer pessoa pode praticar este tipo de exercícios, mas é importante que haja o acompanhamento de um profissional de educação física, para evitar lesões causadas pela execução incorreta”, recomenda o personal trainer da academia ViktorGym Xande Negão.

sábado, 25 de setembro de 2010

Frequência dos exercícios abdominais depende dos objetivos


Xande Negão, personal trainer da academia ViktorGym, explica que a frequência e intensidade dos exercícios abdominais dependem dos objetivos de cada um. “Se a musculação for feita visando emagrecimento, o recomendado é que o aluno, após as atividades aeróbicas, faça os exercícios abdominais diariamente para manter a musculatura fortalecida. Já quem busca um abdômen mais definido pode aumentar a carga e fazer mais repetições, com um intervalo de 48 horas para cada tipo de exercício”, aconselha.

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Respiração é fundamental para os exercícios abdominais



Durante a execução dos exercícios abdominais é preciso sentir que a musculatura do abdômen está trabalhando e ficar de olho na postura e na respiração. “Quando for elevar o tronco, deve-se expirar o ar pela boca e na hora de descer deve-se inspirar o ar pelo nariz. A respiração correta ajuda a atingir os músculos mais profundos do abdômen e aumenta a contração das fibras musculares”, acrescenta o personal trainer Xande Negão.

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Aqueça antes dos abdominais



Segundo Xande Negão, personal trainer da academia ViktorGym, primeiro é necessário fazer um aquecimento de pelo menos 20 minutos, já que somente após 15 minutos é que as atividades físicas começam a fazer efeito. “A pessoa pode escolher o que preferir, pode ser corrida, caminhada ou bicicleta”, aponta. Depois de aquecer, é hora de fazer os abdominais. “As pessoas precisam saber que o importante é a qualidade e não a quantidade. É melhor fazer 200 abdominais bem feitos do que 400 mal feitos. Além de não ter o resultado esperado, corre-se o risco de sofrer lesões”, observa.

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Abdominais fortalecem a musculatura




Quem quer ter um abdômen definido e perder peso deve aliar atividades aeróbicas, que queimam gordura, aos abdominais, que irão fortalecer e definir o abdômen. “Quem deseja apenas emagrecer também deve fazer abdominais para não ficar com a musculatura flácida. Não adianta correr todo dia, perder peso e ficar com os músculos fracos. Além de fortalecer o abdômen, os abdominais enrijecem os músculos que sustentam a coluna. E com a região abdominal forte, a sustentação dos órgãos intestinais também é maior”, esclarece o personal trainer Xande Negão, da academia ViktorGym.

terça-feira, 21 de setembro de 2010

Exercícios abdominais não emagrecem




Muitos homens e mulheres buscam a barriga perfeita: chapada, definida e firme. Para conseguir este resultado é preciso muita disciplina, malhação e dieta equilibrada. Os exercícios abdominais são os primeiros que vem a mente ao se tocar no assunto, mas saiba que sozinhos eles não fazem este desejo se tornar realidade. “Os exercícios abdominais não emagrecem, eles apenas tonificam a musculatura que está localizada abaixo da camada de gordura”, explica o personal trainer Xande Negão, da academia ViktorGym.

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Falta de treino diminui massa muscular

Segundo o personal trainer Xande Negão, a falta de treinamento faz com que o corpo volte a ser como era antes e perca os músculos. “Se a pessoa para de treinar, o organismo entende que não precisa mais de um músculo tão desenvolvido e que gasta mais energia e haverá a perda de massa muscular. Ficará apenas a quantidade necessária para as atividades do dia a dia”, explica.

sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Hipertrofia acontece durante o repouso

Se você pensa que os músculos crescem na hora do exercício, está enganado. “O repouso é essencial para hipertrofia. É neste momento que o organismo irá reconstituir os músculos, utilizando a gordura armazenada como energia. Eu recomendo treinar um grupo muscular três vezes por semana em dias alternados, assim haverá repouso suficiente”, aconselha Xande negão, personal trainer e body designer.

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Treino certo para aumentar os músculos

De acordo com o personal trainer Xande Negão, o treino ideal para hipertrofia envolve cargas de diferentes intensidades dependendo do nível do treinamento, intervalos de descanso entre as séries, número de séries e repetições, velocidade, variação dos exercícios e repouso. “As cargas devem ser aumentadas de forma progressiva, pois o corpo se adapta a cargas mais elevadas aos poucos. Até a adaptação, ocorrem às lesões que causam o aumento dos músculos”, ressalta.

terça-feira, 14 de setembro de 2010

Hipertrofia acontece durante a extensão da musculatura

Segundo pesquisadores Universidade do Alabama, nos Estados Unidos, o maior potencial de hipertrofia muscular acontece na fase de extensão da musculatura. Então se o objetivo é ganhar massa muscular, a velocidade da execução dos exercícios não deve ser muito lenta. “Exercícios de baixa intensidade e execução devagar não causam hipertrofia”, afirma o personal trainer Xande Negão.

segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Saiba o que é hipertrofia

A hipertrofia acontece quando as fibras musculares sofrem pequenas lesões devido ao treinamento de força e o organismo reage reconstruindo as fibras, deixando-as mais fortes e maiores. “O corpo tende a sempre estar em equilíbrio. Então quando ocorre alguma lesão, ele ‘restaura’ o local e o reforça para evitar que aconteça a mesma coisa no futuro”, esclarece Xande Negão, personal trainer e body designer.